24 de julho de 2011

O mundo da Felicidade

Um mundo ideal,com crianças brincando livremente,sem medo,com paz,sem brigas e guerras.Um mundo onde os sorrisos sejam sinceros,os olás sejam ditos,onde as pessoas valem mais do que os bens materiais,e que o amor viva solto.
   Nesse lugar existiriam flores e árvores em abundancia,e cada criança conheceria a natureza natural,não a  natureza cimentada das grandes cidades.Ao invez de armas os policiais empunhariam a bandeira da paz,porque não existiriam mais bandidos.A dignidade seria dada logo ao nascer e permaneceria intacta até a velhice,até a morte.
   Não se trabalharia por dinheiro,se trabalharia por prazer,e para a continuação do mundo.Desde criança aprenderia-se a viver feliz,não a viver para ganhar dinheiro.
 A vida em si seria mais importante do que qualquer dinheiro,a própria felicidade seria o mais importante.Os corações não sofreriam.Seria um mundo livre de preconceitos,o que importaria seriam as pessoas viverem  bem e felizes.
 Enfim,seria um mundo belo,feliz,acolhedor,onde as pessoas poderiam ser quem quisessem sem medo.Se sorriria mais do que choraria.Tudo que é bom lá estaria,e o mal simplesmente não existiria.Mas esse mundo por hora só pode existir dentro de cada um de nós,em nossa imaginação.Mas é sonhando que se começa tudo!
(Danieli.P)

Nenhum comentário: